Diversos Filmes e Séries Hqs e Livros

Batman: conheça todos os Robins que existem

Wow, um herói Prodígio sempre acompanhou o Batman ao longo das gerações!

A Evolução do Robin

Criado por Bob Kane e Bill Finger em parceria com Jerry Robinson, o menino prodígio fez sua estreia em 1940 na HQ Detective Comics edição número 38. Acredita-se que o nome Robin foi uma homenagem de Kane e Finger a seu parceiro mirim Jerry Robinson. O Robin sempre foi uma figura muito importante no universo dos quadrinhos. Popularizando a ideia dos sidekicks – ou heróis ajudantes.

HQ Detective Comics edição número 38: Lançamento do Robin

O personagem foi criado para amenizar o clima sombrio das histórias do Batman, deixando-o mais próximo de seu leitor juvenil. Hoje o Robin é o que salva Bruce Wayne de se perder por trás de sua máscara.

E também é um modo maroto de a DC ganhar rios de dinheiro criando os mais variados, desnecessários e chatos parceiros para criar mais e mais revistas solos deles e vender rios de revistas da Batfamília, que no Brasil tem um título só para ela: “A Sombra do Batman”, uma das mensais mais caras que chegam as bancas.

Aqui, separamos cada um dos heróis principais que adotaram o manto do Robin ao longo dos anos, bem como suas origens e personas alternativas.

Dick Grayson/Asa Noturna

Dick Grayson/Asa Noturna

O garoto prodígio original. Dick Grayson desde muito cedo teve treinamento acrobático, pois seus pais eram trapezistas e viviam em um circo. Após presenciar a morte dos pais pelas mãos do gangster Anthony Zucco, Dick foi adotado por Bruce Wayne como seu guardião legal. Bruce passou a preparar o garoto para o combate e o ajudou a superar o trauma de sua perda.

Obviamente, Dick não seria um assistente ou mesmo carregaria o nome Robin para o resto da sua vida. Ele ainda teria sua própria carreira como super-herói. Além de lutar contra o crime ao lado do Batman, ele foi um dos membros fundadores da equipe Jovens Titãs, onde ganhou mais personalidade própria e anos mais tarde assumiu o codinome Asa Noturna para as suas ações como vigilante em Gotham.

Por ter sido o Robin mais duradouro – de 1940 a 1980, Dick quem assumiu o manto do Batman quando o herói foi dado como morto, após a Crise Final.

Jason Todd/Capuz Vermelho

Jason Todd foi o sucessor de Dick Grayson. Originalmente, ele era idêntico a Dick, com a mesma origem envolvendo pais mortos em um circo. Porém, com a Crise nas Infinitas Terras, o personagem ganhou uma origem atualizada, na qual era um garoto de rua que acabou conhecendo o Batman quando tentava roubar os pneus do Batmóvel. Bruce acolheu Jason e providenciou seu treinamento e transformou em Robin.

Sua carreira como Robin foi curta e teve um dos finais mais trágicos das Hqs. Ele era rejeitado por parte do público, o que levou a DC Comics a tomar a abrir uma votação para saber se ele deveria ou não morrer nos quadrinhos. Com a maioria dos votos sendo positivos, o personagem foi assassinado pelo Coringa com uma surra com pé de Cabra e uma explosão em Morte em Família, em 1988.

A morte, como é bastante comum nos quadrinhos, não foi o fim do personagem. Anos depois, Jason Todd foi levado até o Poço de Lázaro de Ra’s Al Ghul e ressuscitado. Entretanto, não era mais o garoto prodígio, sua personalidade se tornou muito mais sombria e agressiva.

Ele volta a vida com um único propósito: vingar-se do Batman por não ter matado o Coringa. Assumiu a alcunha de Capuz Vermelho (manto que originalmente era do próprio Coringa) ao agir como um vigilante. Porém, sua postura diante dos criminosos é muito mais impiedosa e não se importa em matá-los.

Na saga Batman R.I.P., Jason assume o manto do Homem Morcego só que numa versão assassina, porém, ele é derrotado por Dick Grayson que defende o legado do Batman.

No último reboot da DC, os Novos 52, ele assumiu o papel de líder dos Foras da Lei, um grupo que também conta com a participação de Estelar, Arsenal e Bizarro.

Tim Drake/Robin Vermelho

Diferente dos Robins anteriores, Tim Drake não foi abordado pelo Batman para se tornar seu assistente, não era pobre, nem orfão (pelo menos não no começo). No caso de Tim, foi ele próprio quem se voluntariou para o cargo. Após deduzir a identidade de Bruce e Dick como Batman e Asa Noturna, o garoto passou a se vestir como Robin e, depois de se provar em combate, foi aceito como assistente pelo Morcego. O próprio Batman reconhece que um dia, suas habilidades de detetive podem superar as dele próprio.

Tim Drake possui uma carreira de vigilante parecida com a de Dick Grayson. Ele também se graduou da posição de Robin e tomou um nome próprio de super-herói, se tornou o Robin Vermelho (grande diferença! kkk). Também é o fundador de uma equipe de super-heróis adolescentes, no caso, a Justiça Jovem.

Por conta de sua fama, ele foi o primeiro Robin a ganhar um título solo.

LEIA MAIS: Curiosidade: 8 personagens com o mesmo sobrenome na Marvel e DC

Stephanie Brown/Robin e Batgirl

Stephanie Brown é a filha de um vilão do Batman, o Mestre das Pistas. Ela, no entanto, desaprovava as ações do pai e começou a agir como uma vigilante para atrapalhar seus planos. Assim Stephanie se tornou a Salteadora. Em suas aventuras, ela conheceu tanto Batman quanto o Robin (Tim Drake), com quem começou a namorar.

Quando Tim mudou de cidade e não pode mais ser o Robin, Stephanie fez um uniforme de Robin para si e foi até Batman, para pedir que ele a aceitasse como assistente. Relutante, Batman aceita e treina Stephanie.

Extremamente imprudente e insubordinada, ela chegou a ser “demitida” pelo Batman duas vezes, por desobedecer os planos do herói. Porém, ela sempre foi determinada a provar seu valor e, por conta disso, chegou a por em prática um plano para encerrar o crime nas ruas de Gotham City, mas acabou desencadeando uma guerra de gangues e foi dada como morta no processo.

Contudo, ela havia sido salva pela Dra. Leslie Thompson, que havia forjado sua morte para salvá-la. Anos depois, ela acabou recebendo o manto da Batgirl e ganhou seu próprio título solo, onde operava como substituta de Barbara Gordon. A personagem nunca se firmou de fato, nem como Robin, nem como Batgirl, mas continua fazendo aparições como Salteadora.

Damian Wayne/Pássaro Vermelho

Como o nome já indica, Damian Wayne é filho de Bruce Wayne e Talia al Ghul. O garoto só foi revelado ao Batman quando já tinha dez anos de idade, já tendo passado pelo extenso treinamento da Liga dos Assassinos. Desde o princípio Damian quis ser Robin e ajudar o pai no combate contra criminosos, mas foi considerado inadequado devido ao seu comportamento mimado, egoísta e violento.

Damian Wayne passou a ser treinado para se tornar um super-herói para que encontrasse redenção. Após anos, Talia o deixou sob os cuidados de Bruce, e a morte do Batman, em Crise Final, desencadeou um grande efeito emocional em Damian, que passou a ser criado por Dick Grayson.

Curiosamente, ele foi o primeiro Robin a não receber o manto diretamente do Batman. Durante uma série de eventos que ocorreram após a suposta morte do Cavaleiro das Trevas, Damian foi coroado o novo Menino Prodígio por Alfred e sua primeira missão foi resgatar Dick Grayson.

Nos Novos 52, ele se manteve com a mesma história de seu personagem antes de Ponto de Ignição (Flashpoint), mas acabou deixando o manto de Robin e passou a ser Pássaro Vermelho. Posteriormente, ele acabaria sendo morto por um clone envelhecido seu, mas recentemente foi ressuscitado pelo Batman graças a uma treta com Darkseid.

Algumas pessoas dizem que o moleque a versão masculina da Hit Girl (e faz bastante sentido, rss)

Carrie Kelley

Carrie Kelley é uma Robin especial. Ela foi criada exclusivamente por Frank Miller para a saga O Cavaleiro das Trevas. Caroline “Carrie” Keene Kelly é uma estudante de apenas 13 anos que após ser salva pelo Batman resolve virar Robin por conta própria. Ela acaba salvando a vida de Batman estando no lugar certo na hora certa, então Bruce permite que ela seja sua Robin durante a saga. Com a morte do Robin Damian Wayne nos quadrinhos, a DC Comics anunciou a volta de Carrie Kelley nas roupas do parceiro mais famoso dos quadrinhos!

Varinhas Super resistentes da Saga Harry Potter 😉

Helena Wayne/Caçadora

Em um universo alternativo, Bruce tem uma filha com Selina Kyle. Helena Wayne cresceu desfrutando os benefícios de estar em uma família rica. Quando jovem, ela teve uma educação completa, como também sendo treinada por seus pais, Batman e Mulher-Gato para se tornar uma super-atleta. Após ter terminado seus estudos, ela se juntou à firma jurídica de Cranson & Grayson, em que um dos sócios era Dick Grayson.

Certa vez, um criminoso chantageou Selina para que ela volte a ser a Mulher-Gato, um ato que levou a sua morte. Helena, decidida levar o criminoso responsável para justiça, criou uma fantasia para ela, criou algumas armas do equipamento de seus pais, e pegou o criminoso. Depois de pega-lo, Helena decidiu continuar combatendo o crime, sob o codinome “Caçadora“. Ela era seu Robin.

Durante a Crise nas Infinitas Terras, ela foi destruída pelos demônios da sombra do Anti-Monitor enquanto tentava salvar várias crianças. Depois da Crise, sua existência foi apagada (assim como a de seus pais da Terra 2).

Uma curiosidade é que a trilogia do Nolan é muito parecida com essa. Tanto que o Bruce termina o filme “Cavaleiro das Trevas Ressurge” num provável relacionamento com a Mulher-gato 😉

LEIA MAIS: Crise nas Infinitas Terras será o próximo Crossover das Séries DC

Nós somos Robin

Mais recentemente, nos quadrinhos Novos 52, foi apresentado o grupo Nós Somos Robin. Trata-se de vários adolescentes de Gotham que assumem a identidade de Robin e se juntam para combater os perigos da cidade. Não são treinados em combate, acrobacias ou investigação e contam apenas com a empolgação e a energia da juventude em seu trabalho de vigilantismo.

Corporação Batman: o Morcego decide enfrentar o crime em todo o planeta!

Corporação Batman: o Morcego decide enfrentar o crime em todo o planeta!

Corporação Batman” segue os eventos de “Crise Final”, “Batman e Robin” e “O Retorno de Bruce Wayne”, quando, após ficar preso em um passado distante e ser dado como morto, Bruce Wayne retorna aos dias atuais do Universo DC e está preparado para avançar para um próximo nível, na guerra contra o crime.

Através da franquia, do treinamento e da colaboração de combatentes do crime, ao redor do mundo, constitui-se uma equipe globalizada de heróis, que vai responder ao próprio Batman (Bruce Wayne) e será financiada pelas Indústrias Wayne.

E ai, vocês gostaram dos Robins? Qual o seu favorito? Qual vocês gostariam de ver nos cinemas? Deixe sua opinião nos comentários.

Acompanhe todas as atualizações do blog no facebook, twitter e instagram. Loja Virtual: Nerd X

Action Comics em até 12x
Anúncios

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.